Dicas

Brincadeiras tradicionais infantis: Resgatando a magia das brincadeiras de antigamente.

Publicado em 25.07.2023 |
Visualizações
139 visualizações

Os papais e as mamães de plantão devem lembrar de diversas brincadeiras tradicionais infantis, que hoje não são praticadas com tanta frequência.

É normal que cada geração encontre formas diferentes de brincar, mesmo assim, incentivar o conhecimento e a prática de atividades tradicionais pode fazer bem ao desenvolvimento das crianças.

Atualmente, os pequenos já nascem conectados, em muitos casos é impossível impedir o contato com a tecnologia, mas ainda é necessário ter um controle do tempo de telas.

Por conta desta e de outras mudanças de comportamento geracional, muitas crianças não experimentam brincadeiras tradicionais infantis.

Essas brincadeiras são ótimas para ajudar na interação social entre os pequenos, além disso, pode se tornar um momento entre pais e filhos, pois eles vão conhecer mais sobre a sua infância. É uma boa maneira de passar um conhecimento cultural para as crianças.

Sabemos que existem muitas brincadeiras tradicionais infantis que podem ser ensinadas para as crianças, por isso, separamos as mais conhecidas para ajudar nesse processo. Para conferir tudo basta continuar a leitura e se divertir!

Telefone sem fio

criancas brincando de telefone sem fio

A primeira da lista é o telefone sem fio, essa brincadeira já foi super popular e é perfeita para entreter os pequenos, além disso, pode ser realizada em grupo, o que deixa tudo ainda mais divertido.

O telefone sem fio é uma brincadeira recomendada para crianças acima de 4 anos. A atividade é super animada e dinâmica.

Basicamente, um grupo de crianças sentam lado a lado, ou em círculo para formar uma roda, depois desta organização a brincadeira pode começar.

Tudo começa com uma criança sussurrando no ouvido do amigo uma frase, que deve passar a mensagem adiante da mesma forma.

Quando chega a vez da última criança, ela deve dizer em voz alta qual era a mensagem secreta que foi passada.

O objetivo da brincadeira é fazer com que a mensagem chegue até o último participante sem ter sido distorcida.

Porém, a parte divertida está exatamente em perceber como a mensagem se alterou conforme foi passada adiante.

É uma ótima atividade para exercitar a memória, a atenção e também a organização dos pequenos. É possível aprender brincando e se divertindo!

Batata quente

A segunda brincadeira da lista é muito popular, provavelmente os pais brincavam de batata quente na infância.

Essa brincadeira é super simples! As crianças devem se sentar no chão, formando um círculo.

Um jogador vai ser escolhido para ser o controlador, geralmente é a criança mais velha, ou um adulto que esteja supervisionado a brincadeira.

A função do controlador é ficar cantando uma música enquanto os outros vão passando a batata de mão em mão no ritmo do som.

Sendo assim, se a música for lenta, o passe deve ser feito devagar, geralmente os controladores aumentam o ritmo da canção no meio da brincadeira.

Quando a música parar, quem estiver com a batata na mão, será eliminado da brincadeira.

Se alguém tentar passar a batata depois que a música tiver parado, também deve sair. O jogo só termina quando restar apenas um jogador.

Um detalhe importante é que a batata pode ser substituída por uma bola, ou até mesmo um rolinho feito de meia.

Na hora da música, se quiser pode optar por colocar para tocar em um aparelho de som, porém é mais divertido ter alguém cantando.

Se quiser pode escolher uma cantiga e cantá-la até que termine.

Em algumas regiões do país essa brincadeira é realizada com os seguintes versos: “Batata quente, quente, quente … queimo!.” Também existe uma outra versão: “"Roda, roda, roda, roda, roda, roda. Parou!".

Com as brincadeiras tradicionais infantis é possível conhecer diferenças culturais e regionais, é uma boa forma de ensinar para as crianças sobre a diversidade do país.

Amarelinha

criancas brincando de amarelinha

A amarelinha, também pode ser chamada de vários outros nomes, como por exemplo, jogo da pedrinha, maré e sapata.

Essa brincadeira é bem tradicional e conhecida pelo país todo. O jogo funciona da seguinte maneira: é necessário desenhar com giz o diagrama, composto de 10 quadrados no chão, e numera-los.

Ao final, desenha-se também um arco, que representa o céu.

Com tudo pronto, a criança deve jogar uma pedrinha no desenho e pular em cada um dos quadrados, evitando aquele onde a pedra está.

Na hora de pular, os pequenos podem usar um ou dois pés, mas quem pisar em alguma linha, perde o jogo.

É uma brincadeira simples, divertida e lúdica, perfeita para ensinar as crianças sobre números, contagem e até mesmo para desenvolver o equilíbrio corporal.

A amarelinha incentiva o raciocínio lógico e a capacidade motora das crianças.

Queimada

criancas jogando queimada

A queimada é um jogo muito animado e perfeito para reunir as crianças. É uma ótima atividade para tirar os pequenos do sedentarismo.

Para jogar queimada é necessário montar dois times  e o objetivo é arremessar e acertar os jogadores adversários com a bola.

Para ganhar, todas as crianças da equipe adversária precisam ser eliminadas com as bolas lançadas.

A queimada faz com que as crianças trabalhem o corpo todo, pois elas correm, saltam e arremessam a bola.

A bandeira em equipe é ótima para despertar a cooperação entre os participantes, além disso, é uma atividade que desenvolve rapidez de pensamento, agilidade corporal e mira.

Dança das cadeiras

danca das cadeiras

É claro que não poderia faltar esta atividade na nossa lista. A dança das cadeiras é um clássico das brincadeiras tradicionais infantis.

O jogo de dança das cadeiras funciona muito bem quando se tem várias crianças para brincar. Nesta atividade, é necessário montar um círculo com cadeiras sendo que uma criança senta em cada uma delas.

Também é preciso escolher o líder, ele vai ficar de fora e ao gritar “já” ou ligar uma música, as crianças se levantam e começam a circular em volta dos objetos.

Quando a música parar, todos devem sentar em alguma cadeira. Aquele que não encontrar um lugar é eliminado e tira-se mais uma cadeira. Ganha quem sentar na última cadeira.

Mímica

mulher e criancas brincando de mimica

A mímica é sinônimo de diversão! Essa brincadeira estimula a imaginação e a criatividade dos pequenos. Sem contar que as crianças passam a prestar mais atenção no ambiente.

É uma atividade simples, pois não precisa de materiais. Para brincar, uma das crianças do grupo deve escolher um objeto ou um animal para encenar e o restante precisa adivinhar o que é.

As crianças se arriscam em palpites, encenações e claro que a alegria é garantida.

Com a mímica é possível desenvolver consciência corporal e trabalho em grupo de uma forma muito divertida.

Conclusão

Com todas essas brincadeiras tradicionais infantis, os pequenos vão ficar super animados.

Se quiser aumentar a diversão pode contar com a Poliplac, temos diversos brinquedos educativos que são perfeitos para as crianças. Não deixe de conferir!